domingo, 6 de fevereiro de 2011



"Precisamos dar um sentido humano às nossas construções. E, quando o amor ao dinheiro, ao sucesso nos estiver deixando cegos, saibamos fazer pausas para olhar os lírios do campo e as aves do céu."

Érico Veríssimo

6 comentários:

Daniel disse...

Talvez, se ao invés de darmos um sentido humano às nossas construções, dêssemos um sentido animal, seríamos melhores.

Animais não fazem mal, justamente porque não são racionais. Do que adianta sermos racionais se não usamos a razão para o que realmente interessa?

Daniel

Cynthia Osório disse...

humano é "animal sentimental", pausemos, então!

Vinicius disse...

Interessante (para mim, claro) o fato de eu ter escrito algo com objetivo similar, embora sem a beleza do Érico Veríssimo...

On The Rocks disse...

e os corações batendo juntinhos...

bj

URBAN.GO disse...

Precisamos mesmo de um sentido.
Nisso estamos de acordo, mas também sei que parar, escutar e ... digerir a vida, é tão assustador que muitas gente prefere não o fazer.
Bjs, fica bem.

André Arruda de Bem disse...

Recriar o vazio... estimular o ócio criativo, reinventar-se todos os dias... ser simples.

Seguidores