domingo, 21 de fevereiro de 2010

Maré de equívocos

"Eu quero é que esse canto torto
feito faca corte a carne de vocês
"
Belchior


São pedaços por todos os lados, saltam da janela pra dentro de casa e o contrário é a mais pura verdade. Tantos pequenos detalhes para juntar e montar um quebra-cabeça em que infelizmente falta peças mas sobra hipocrisia. Tem a menina e o cara daí entra outra menina: sempre tem uma Putinha no meio da história, com toda a boçalidade que uma história promíscua merece.
Tudo bem que já cresci e fui tão bem criada que até sei discernir o certo do errado, quem pinta a cara de palhaço e todas as suas cartas de jogador canalha. E no meio de tudo isso você ainda vem arrotar ignorância e gritar um monte de moralismo pra tentar calar a boca da razão. Depois tudo se mistura e nem dá pra saber quem é fraco ou forte nessa história que mais parece uma fábula repetida, cansaço de sempre saber onde tudo isso vai dar. Tiraram os remos, a vela e sobrou um furacão pra cima desse barquinho de papel. Tem que ter alguém pra dar a mão.
Um choro engasgado, dentes rangidos, um soco armado na mão e uma única bala na arma que já está engatilhada, agora só me falta reza e paciência pra que quando alguém aparecer pra contar outra vez de quem está com a cerveja e o copo descartável na mão no mesmo bar de sempre e um sorriso inteiro no rosto porque tem sempre a certeza de que estará sendo esperado por mãos calorosas e uma rosa vermelha pintada no peito. Fôlego!
Você vem sacudir os ombros com toda essa força que diz ter e quer tentar arrancar algo dessa indiferença que brotou em algum momento que já está perdido nas horas. Esquece essa força ou o papo de ser fraco, te digo e não preciso de nenhuma palavra: olha dentro dos olhos.
Suma outra vez. Eu já esqueci, sou obediente.



Um comentário:

Iasminne Fortes disse...

Acho que estamos vivendo histórias parecidas, quem dizer, enredos parecidos. Te entendo bem e tô admirando a sua força diante disso... mas quando sentir que não pode aguentar, sabe que tem com quem contar.

texto foda, Lu!
beijos =*

Seguidores